sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Lisboa



Cheguei, antes que a cidade me surpreendesse, a tempo de ver todas as folhas que este outono caíram na minha rua. Caminhei devagarinho pelo tapete amarelo, pisando com especial cuidado as horas caídas da minha ausência. Guardaram-nas, assim no chão, para que ainda as pudesse ver. 
Depois, Lisboa deu por mim: fez-se fria e cinzenta. Como toda a velha amante abandonada.

4 comentários:

  1. Respostas
    1. Mais tarde já planto aqui uma foto. Só para ti!

      Eliminar
    2. preciso que o espírito entre, por mim ainda estamos em março...

      Eliminar
    3. Não consegui uma foto decente do terreiro do paço iluminado. Mas voltarei!!

      Eliminar